Inicio  » Revista Veterinaria REDVET  » Vol 17 Nº 10 Octubre 2016

101605 - Qualidade da gordura ovina: características e fatores de influência – (Quality of fat sheep: characteristics and influence factors)

Autor

Burin, P.C. ¹*
Doutoranda em Agronomia. Programa de Pós Graduação em Agronomia.  Faculdade de Ciências Agrárias, Universidade Federal da Grande Dourados.
Cidade Universitária, Rodovia Dourados - Itahum, km 12, Caixa Postal - 533, CEP: 79804-970 - Dourados, MS.* E-mail: poliana_burim@hotmail.com



Fecha de publicación

21/09/2016

Resumen

É de grande importância o estudo acerca da ingestão de lipídeos pelos ruminantes e as consequências de diferentes níveis nas dietas, visto que este influencia a qualidade de produtos largamente consumidos como carne e leite. É possível a manipulação do ambiente ruminal através da oferta de dietas com diferentes níveis e proporções de carboidratos, lipídeos e proteínas a fim de se alterar a composição dos ácidos graxos da carne e leite. Essa alteração pode determinar alterações nos teores de ácido linolêico conjugado o CLA, que vem mostrando resultados bastante positivos a saúde humana em pesquisas recentes. Os ovinos comparados a outros ruminantes produzem carne e leite com alta composição de ácido linoleico conjugado, em geral a deposição e composição da gordura destes animais sofre grande influencia de fatores como sexo, dieta, raça e sistema de criação. Fatores que devem ser atentamente manipulados a fim de não interferirem negativamente na qualidade dos produtos finais de maior interesse a carne e o leite. Nesse sentido o objetivo desta revisão é discorrer acerca de quais fatores afetam e a maneira como estão relacionados ao metabolismo, deposição e qualidade da gordura de ovinos e como isso pode estar relacionado a oferta de alimentos que atendam a demanda de consumidores cada vez mais preocupados com a saúde. 

Abstract

It is of great importance the study of the lipid intake by ruminants and the consequences of different levels in the diet, as this influences the quality of widely consumed products such as meat and milk. The manipulation of rumen is possible by offering diets with different levels and carbohydrate ratios,  lipids and proteins in order to change the fatty acid composition of meat and milk. This change can lead to changes in conjugated linoleic acid (CLA), which has shown very positive results on human health in recent research. Sheep compared to other ruminants produce meat and milk with a high composition of conjugated linoleic acid, generally the deposition and composition of fat of these animals is greatly influencing factors such as sex, diet, race and breeding system. Factors that must be handled carefully so as not to interfere negatively on the quality of final products of greatest interest in meat and milk. In this sense the objective of this review is to discuss about what factors affect and how they are related to metabolism, deposition and sheep fat quality and how this can be related to food supply to meet the demand of consumers increasingly concerned about the health.

Artículo


Leer artículo completo en .pdf
http://www.veterinaria.org/revistas/redvet/n101016/101605.pdf

Palabras clave

ácido linolêico conjugado, biohidrogenação, lipídeos, ruminantes, biohydrogenation, linoleic acid conjugate, lipids, ruminants.


Comentarios